Áreas para novas construções aumentam 232% em Florianópolis

Áreas para novas construções aumentam 232% em Florianópolis

Expectativa de maior oferta não segura alta dos aluguéis, que estão subindo entre 15% e 20% ao ano

Fonte: Diario Catarinense, Alessandra Ogeda |  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Link: http://www.clicrbs.com.br/diariocatarinense/jsp/default.jsp?uf=2&local=18&section=Economia&newsID=a3288982.xml

A área aprovada para novas construções na Capital saltou de 148 mil para 492 mil metros quadrados no primeiro trimestre deste ano. Isso representa um aumento de 232,4% em relação ao mesmo período de 2010. Entre janeiro e março, foram concedidos 465 alvarás de construção na Capital, mais do que o dobro do ano passado (211).

O Norte da Ilha aparece como a região de maior interesse do setor de construção civil. . Em Ingleses, líder do ranking municipal, a área aprovada chega a 75 mil metros quadrados, quase sete vezes maior do que em 2010. Canasvieiras aparece em terceiro (68,5 mil ), logo atrás da Praia do Campeche (68,7 mil), no Sul da Ilha.

Para Hélio Bairros, presidente do Sinduscon da Grande Florianópolis, os dados revelam muito muito mais uma proteção do mercado do que um crescimento real na oferta de novas unidades residenciais e comerciais.

— Muitos proprietários de terra ficaram amedrontados com algumas políticas públicas restritivas e com a burocratização exagerada nos processos de licenciamento. Ao buscarem se proteger, houve esse aumento.

Ele também acredita que esta explosão no número de alvarás seja o efeito da demora para finalizar muitos processos iniciados em 2010 ou 2009, o que ocorreu apenas agora.

Em todo caso, O mercado imobiliário aquecido ampliou o número de novos empreendimentos na Grande Florianópolis, mas não em quantidade suficiente para frear o aumento dos aluguéis. A procura maior que a oferta em alguns bairros da Capital segue ditando os preços, que estão subindo entre 15% e 20% por ano. Para Bairros, o mercado imobiliário local pode demorar mais cinco anos para se estabilizar.

— A legislação que tínhamos antes desestimulava a oferta de imóveis para a locação. A diferença entre o tempo perdido e o que está acontecendo agora, com o investimento em novos empreendimentos, é bastante grande — opina.

Os apartamentos de dois dormitórios são os campeões de procura. O aluguel de uma unidade deste tipo de alto padrão, no Santa Mônica, de classe média alta, próximo ao campus da UFSC e ao Iguatemi Floripa, valorizou em torno de 30% nos últimos 12 meses. Segundo Sandra Rodrigues, gerente de aluguéis da Brognoli, a maior imobiliária do Estado, subiu de R$ 1,2 mil para R$ 1,6 mil.

— A procura por imóveis de dois e três quartos, que são os mais desejados, cresceu pelo menos 30% neste último ano na Ilha e alguns bairros do Continente — revela a gerente.

A escassez de imóveis para locação é originada tanto pela falta de espaços em alguns bairros da Ilha, como o Centro e a Trindade, como pela pressão que os imóveis fechados fazem no mercado. Buscando aumentar o número de imóveis disponíveis para locação, a Brognoli lançou a campanha Uma Chave Leva à Outra. Com ela, o proprietário que colocar um imóvel para alugar recebe um cupom para participar do sorteio de um carro em setembro.

— Locatários a gente tem. O que falta é o produto. Muitos investidores compram imóveis para vendê-los em seguida, outros deixam eles fechados esperando pela valorização, mas eles estão perdendo dinheiro porque acabam tendo gastos como o do condomínio e do IPTU — opina Sandra.

Os bairros que lideram a busca por locação na Capital são o Centro, Trindade, Coqueiros e Estreito. Entre os imóveis residenciais de alto padrão, lideram a lista os bairros João Paulo, Santa Mônica e Parque São Jorge, onde sobram interessados e faltam unidades para a locação. O mesmo está acontecendo com os imóveis comerciais no Santa Mônica, na pracinha da Lagoa da Conceição e às margens da SC-401, revela a gerente da Brognoli.

De acordo com o gerente de vendas da Pirâmides Comércio de Móveis do Estreito, Luiz Roberto Domingues de Souza, a região continental da Capital se destaca pela oferta maior de terrenos e de novos empreendimentos. O resultado é que apartamentos de dois dormitórios, os mais procurados do mercado, estão sendo vendidos por R$ 230 mil, bem abaixo dos R$ 300 mil a R$ 320 mil cobrados por unidades com as mesmas características na Ilha, afirma Souza.

— O mercado está migrando pela limitação de terrenos e empreendimentos em algumas regiões. No continente, é possível encontrar terrenos mais baratos. Quanto mais rara a oferta (de unidades), maior a influência no preço.

Concorrência reduz lucro

Algumas empresas seguem investindo em novos empreendimentos em bairros disputados, como o Centro, a Trindade e o Itacorubi, na Ilha. Mas para quem procura novos apartamentos como investimento, a melhor margem de lucro nem sempre está nestes locais.

Esta é a avaliação de Luiz Roberto Domingues de Souza, gerente de vendas da Pirâmides Comércio de Móveis de Florianópolis. De acordo com ele, quem compra um imóvel no lançamento do empreendimento consegue ter uma margem de retorno maior do que aquele que adquire o apartamento pronto. E essa margem têm sido maior em bairros como o Estreito e Campinas do que nos líderes em locações, como o Centro e a Trindade.

Quem compra um apartamento no lançamento tem o pagamento reajustado com base no Custo Unitário Básico (CUB) até que o empreendimento seja finalizado. Em 2010, o CUB em Santa Catarina foi de 5,63%. Mas imóveis de dois quartos no Estreito e em Campinas tem valorizado 14,5%, em média, por ano. A mesma margem não é obtida por quem adquire um dos raros novos empreendimentos no Centro ou nos bairros Trindade e Itacorubi.

— Nestes locais, a valorização média tem sido de 10% ao ano. Na Trindade, por exemplo, onde o mercado está saturado, o retorno de quem está investindo agora é menor especialmente por causa da forte concorrência

CONTADOR DE VISITAS

mod_vvisit_counterVisitantes de ontem:4748
mod_vvisit_counterSemana passada:42659
mod_vvisit_counterMês passado:173428

BUSQUE SEU IMÓVEL

Vista para o mar
Próx. UFSC / UDESC

BUSQUE CÓD. OU TEXTO

-->