Clientes valorizam cada vez mais o lugar onde o empreendimento foi construído para decidir pela compra do imóvel

Fonte: DC

Depois da localização, o preço e os atributos como academia e espaço gourmet são os aspectos mais valorizados na hora da compra de um apartamento


Na hora de comprar um imóvel, muitas dúvidas surgem: quantidade de quartos, opções do empreendimento, vagas de garagem e preço. Mas há uma certeza: a localização. Geralmente quando as pessoas buscam o auxílio dos corretores de imóveis já definiram previamente onde querem adquirir o imóvel.

O casal André Carlos Balestrin, de 26 anos, e Andriéli Boeira de Amorim, 25, comprou um imóvel recentemente e aguardam a entrega do empreendimento, prevista para dezembro de 2014. Para eles, a decisão pelo imóvel foi rápida, cerca de um mês, pois já tinham definido o bairro desejado em Itajaí.

- Estávamos bem focados em partir para a aquisição de um imóvel preferencialmente no atual bairro onde moramos. Gostamos desta região que fica próxima aos nossos locais de trabalho. Se depender de nós, pretendemos morar por aqui por um bom tempo - comenta Balestrin.

Segundo ele, a condição facilitada para aquisição da propriedade, com pagamentos flexibilizados, também influenciou na compra.

De acordo com o sócio-diretor da Max Imóveis Diego Rauber, a localização é fator fundamental na avaliação dos clientes de Itajaí e Balneário Camboriú. Isso é facilmente comprovado pela diferença de preço. Em Itajaí há grande oscilação de valores entre os imóveis oferecidos no Centro, bairro Fazenda e na Praia Brava se comparado a outras regiões da cidade.

Em Balneário Camboriú, o valor é pautado pela distância do imóvel até a orla. Rauber diz que o consumidor também analisa outros aspectos como os locais que não foram afetados pelas enchentes de 2008 e 2011.

- A mobilidade urbana está cada vez mais difícil. As pessoas precisam estar convenientemente localizadas para ir ao trabalho, à escola e para suprir suas necessidades - afirma.

Para o gerente de vendas da Imobiliária Pilar, de Criciúma, Wilson de Carvalho Esmeraldino, a localização é item fundamental na cidade em função do trânsito.

- As pessoas buscam apartamentos no centro ou próximos ao trabalho para não precisar sair de carro.

Segundo ele, outra tendência é a comercialização de apartamentos mais compactos, de dois e três dormitórios.

:: Preço é o critério mais usado nas buscas por imóveis

Esmeraldino diz que o terceiro aspecto mais valorizado pelo consumidor criciumense, depois da localização e do preço, são os adicionais oferecidos pelo empreendimento, como a área de lazer. Mas é inegável que o preço do imóvel tem peso relevante.

No portal Pense Imóveis, do Grupo RBS, 64% das buscas avançadas contêm a palavra "preço".

Conforme o gerente de marketing da Anagê Imóveis, de Joinville, Fabrício Hecht, a localização é fator determinante em imóveis de baixo e médio padrão. Isso porque os compradores querem morar perto do trabalho ou nos bairros que já conhecem. Mas se há uma opção em outro local, com melhores condições de pagamento, os clientes aceitam a troca.

Na Capital, a realidade é parecida. De acordo com o diretor comercial da Guerreiro Imóveis, Nestor Duarte, a localização está dentro de um mix de fatores que inclui preço e área de lazer.

- É o fator mais forte. As pessoas escolhem o imóvel em função das pontes (Pedro Ivo e Colombo Salles) porque querem evitar a travessia do continente para a Ilha - diz.

CONTADOR DE VISITAS

mod_vvisit_counterVisitantes de ontem:4226
mod_vvisit_counterSemana passada:29264
mod_vvisit_counterMês passado:127206

BUSQUE SEU IMÓVEL

Vista para o mar
Próx. UFSC / UDESC

BUSQUE CÓD. OU TEXTO